Dicas de como escolher e comprar a Betoneira Ideal

Dicas de como escolher e comprar a Betoneira Ideal

As betoneiras são muito presentes em construções civis e a sua relevância neste cenário é indiscutível. Elas são responsáveis por misturar cimento e argamassa, e por tornarem mais ágeis a produtividade, garantirem a produção de um concreto de maior qualidade proporcionarem menor desgaste da mão-de-obra e menos desperdício da matéria-prima, levando a um melhor custo-benefício.

O que observar antes de escolher a sua betoneira?

Verifique a Rede Elétrica de Instalação

Antes de escolher o modelo de betoneira é importante observar as condições da rede elétrica do local onde o trabalho será realizado. A instalação deverá ser feita de modo correto, e a configuração deve estar de acordo com a rede elétrica. Se a rede elétrica oferecer instabilidade poderá danificar o motor e diminuir o ritmo da produção.

Quantidade de Concreto Produzido

Os insumos utilizados na obra, como concreto, cimento, areia, brita e água devem ser comprados antes do início da obra. Para que sejam adquiridos na quantidade correta, é importante conversar com um pedreiro ou engenheiro para a sua determinação, que deverá ser feita em metros cúbicos.

Tempo Estimado da Obra

Deve ser estimado um prazo para a produção de concreto na obra, que será baseado no tempo para a realização da mesma. Isso contribuirá para a escolha da betoneira que atenda a quantidade a ser produzida no período estimado.

Opções de betoneira

De 120 a 150L: São mais utilizadas em pequenas obras e reformas, e se apresentam em um modelo mais compacto. São ideais também para lugares que dispõem de pouco espaço.

De 250L: São intermediárias. Possuem tamanho menor que as de 400L, mas com os mesmos recursos.

De 400L: Destinadas a pequenas construtoras e também para profissionais autônomos. Não são indicadas para trabalhos tão pesados.

De 600L: Para obras de grande porte e trabalho mais contínuo.

Produção por hora X Tempo Estimado

Sabendo a quantidade de concreto que será fabricada e baseando-se na capacidade de produção por hora de cada modelo de betoneira é possível descobrir o tempo de operação do mesmo.

Para tal, basta dividir a quantidade de concreto pela produção horária. Em seguida deve-se comparar o tempo estimado da obra com o tempo da operação. Se o de operação for maior, o modelo escolhido da betoneira atende a sua necessidade, caso contrário não está de acordo com o prazo do projeto e por isso não deve ser escolhido.

Para o momento da compra seguem algumas dicas

– Esteja atento a qualidade da máquina. A vida útil de uma betoneira é um aspecto que merece atenção;

– Opte por marcas bem conceituadas no mercado, pois elas oferecem maior segurança na compra;

-Betoneiras soldadas em aço e com peças compostas por ferro fundido são mais resistentes e por isso sua qualidade é mais duradoura;

-A pintura deverá também ser de qualidade, pois isso evitará corrosões e desgaste em pouco tempo de uso.

Gostou do artigo de hoje? Conseguiu escolher qual a betoneira ideal para você? Deixe nos comentários!
Compartilhe conosco!

Deixe uma resposta